Você está aqui: Página Inicial / A CÂMARA / Notícias / Junhão e Burrin buscam apoio em Brasília para anular ato da presidenta afastada Dilma Rousseff que criou unidades de conservação Federal

Junhão e Burrin buscam apoio em Brasília para anular ato da presidenta afastada Dilma Rousseff que criou unidades de conservação Federal

por CMM publicado 14/06/2016 12h32, última modificação 14/06/2016 12h32

Os vereadores de Manicoré Anderson Ferreira (Burrin do 180) (PCdoB) e Mário Ruy Lacerda (Junhão) (PMDB) estarão em Brasília nesta quarta (15) e quinta-feira (16) em busca de apoio para anular o ato da presidenta afastada Dilma Rousseff que criou em Maio duas Unidades de Conservação (UCs) federal na região do Distrito de Santo do Matupi, localizado na BR 230 (Transamazônica) Sul do Amazonas. 

Segundo o vereador Burrin é preciso ter o apoio de todos, uma vez que nem o Estado, muito menos os moradores foram ouvidos sobre a criação da reserva. “A reserva foi criada de forma unilateral, não ouve conversa. Depois que já haviam demarcado a área, fomos até Brasília ano passado com uma contra proposta, mas não nos respeitaram”, disse o vereador.

Entre as questões apresentadas está todo o investimento feito pelos empresários e produtores, os quais procuraram cumprir a legislação, como é o caso do manejo florestal.

De acordo com Burrin, os empresários e agricultores pecuaristas já tinham suas licenças em mãos, investiram e hoje estão na iminência de ter um grande prejuízo, caso o governo federal não volte atrás da decisão.

“Muitas pessoas já investiram lá, como é o caso de um empresário do ramo de mineradora que investiu milhões em pesquisa, levantamento da área e foi liberada pelo Departamento Nacional de Produção Mineral (DNPM). Ele também está com a licença pronta, mas agora não vai poder explorar, devido a essa questão da reserva, o lucro que ele teria é coisa de milhões e o Estado não tem esse dinheiro para indenizar hoje”, disse.

Burrin lembrou ainda que outros produtores também investiram. Segundo esse os investimentos são altos de R$ 2 a 4 milhões. “São investimentos altos. Em algumas regiões produtores compraram áreas, documentaram, fizeram o manejo florestal e agora, a fora com que foi criada a reserva não podem nem entrar”, esclareceu.

O apoio do Deputado David Almeida é fundamental para a intermediação de uma conversa com o grupo e o governador José Melo, pois para eles é importante o apoio do governo do Amazonas também, uma vez que nem o Estado foi consultado sobre o assunto.

Os vereadores Burrin e Junhão buscaram apoio dos deputados Federais Atila Lins (PSD), Hissa Abrão (PDT) e Marcos Rota (PMDB), e dos senadores Omar Aziz (PSD) e Eduardo Braga (PMDB), além da Confederação Nacional da Agricultura e Pecuária (CNA) e aproveitarão em ir na sede da Anatel e verificar o andamento da solicitação de Implantação de uma torre de telefonia Móvel para o distrito de Matupi.


Fonte: Folha de Manicoré


Adicionar Comentário

Você pode adicionar um comentário preenchendo o formulário a seguir. Campo de texto simples. Endereços web e e-mail são transformados em links clicáveis.

« Abril 2017 »
month-4
Do Se Te Qu Qu Se Sa
26 27 28 29 30 31 1
2 3 4 5 6 7 8
9 10 11 12 13 14 15
16 17 18 19 20 21 22
23 24 25 26 27 28 29
30 1 2 3 4 5 6
MÍDIAS SOCIAIS

Facebook Twitter Youtube Linkedin Flickr

RÁDIO CÂMARA

Ao vivo
ENQUETES

Gostou do Novo Site?

Sim
Não
Pode Melhorar
Ótimo
spinner
Total de votos: 62
Pesquisar no BuscaLeg
Logotipo do BuscaLeg - Buscador Legislativo

Acesso à Informação

Portal da Transparência CMM

Portal da Transparência